NOTÍCIAS
2016 :
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11  
 

***CHEGARAM AS NOVAS CARTEIRINHAS***

Temos a satisfação de comunicar a todos os associados da Seção Regional de São Paulo, inclusive aos sócios honorários que não estejam inadimplentes, que o novo modelo de Membership Card (Cartão de Associado), já se encontra a disposição em nossa sede (Av. Casper Líbero, 390 - 5º andar - Conjunto 503 - Bairro da Luz - São Paulo / Capital, ao lado do IIRGD), podendo ser retirado por cada interessado, no horário das 9:00hrs ás 19:00hrs. 

Lembramos que por determinação do IAC -  International Administration Center/ IEB - International Executive Board, a partir deste ano somente este tipo de cartão identificará o associado da IPA, tanto no Brasil quanto no exterior. O cartão tem validade para o ano corrente e já estamos de posse do modelo para o ano de 2017, que segue os mesmos padrões.

Com o cartaz abaixo, anunciamos a realização do 4º Campeonato de tiro com arma de ar comprimido, promovido pela seção da IPA na Sérvia, Kikinda, a se realizar no dia 3  de setembro deste ano.  Para maiores informações, utilize o e-mail ipakikinda@yahoo.com

Da esquerda para a direita a foto de Nádia, Sueli Roriz, Ziantoni, no Rio  

POLICIAL ITALIANO EM VIAGEM AO BRASIL VISITA A SEDE DA IPA E DEPARTAMENTOS POLICIAIS

         O Inspetor da Polícia de Roma (Itália), ZIANTONI FRANCESCO, acompanhado da esposa, Sra. Nádia Ferrigno, estiveram em visita ao Brasil, de 11 a 20 de maio de 2016. Desembarcaram em São Paulo e depois foram ao Rio de Janeiro, sempre a passeio, procurando conhecer a pujança desta metrópole e as belezas naturais da “cidade maravilhosa”.

      Logo depois do desembarque, após repousarem um pouco no hotel em que se hospedaram, fizeram questão de vir conhecer a sede da IPA Brasileira, onde foram condignamente recepcionados.

      Depois da tradicional troca de mimos e muita permuta de informações, Ziantoni e esposa foram convidados a conhecer as dependências do Palácio da Polícia, na rua Brigadeiro Tobias, 527, em especial o Departamento de Homicídio e de Proteção à Pessoa, DHPP, onde foram gentilmente recebidos pela sua diretora, Dra. Elisabete Ferreira Sato Lei, cinco de seus delegados divisionários e assistentes, além de escrivães, Investigadores e policiais de outras carreiras.

       Em seguida, foram conhecer as dependências do DECADE (Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas), cujo diretor, Dr. Oswaldo Nico Gonçalves,  recepcionou o casal visitante com muita cordialidade, oferecendo-lhe um jantar e um valioso mimo com o símbolo da Polícia Civil de São Paulo.

     Durante a recepção e as visitas externas, IPA se fez representar pelo seu presidente, Jarim Lopes Roseira e se destacaram no apoio logístico o diretor de Recepção e Assuntos Internacionais, Remo Paradisi; o Conselheiro Ivair Cantelli de Oliveira, o Sócio Honorário James H. Makino e o intérprete oficial da IPA, Professor Nilton Amorim Durval da Silva. As secretárias Silvana e Lidia também se esmeraram no coffee break oferecido na própria sede.

     O casal Ziantoni e Nadia se mostrou bastante agradecido pela hospitalidade e se colocou à disposição de todos na sua residência e local de trabalho, em Roma, a “cidade eterna”.

                                                                 A Diretoria

 

No gabinete do DHPP, com a Dra. Elisabete Sato, o visitante, sua esposa, o profº Nilton, alguns delegados, o presidente da IPA profº Jarim e o diretor Remo Paradisi

 

Senhores Associados:

Para conhecimento de todos, reproduzimos abaixo a íntegra do oficio endereçado ao Sr. Presidente da Seção Regional do Distrito Federal

http://www.ipa-brasil.org.br/gerenciamento/homepage/imagens/20160623173537.jpg

Oferta da “IPA France” aos membros de todos os países associados à International Police Association

senhores Associados:  

A Seção francesa da IPA oferece àqueles que visitarem o país para assistir às partidas de futebol da  Copa EUROS-2016 , que acontece de 10 de junho a 10 de julho do corrente ano, encontro com associados locais ou, se preferirem, solicitar apoio pelo e-mail   euro2016@ipafrance.org  .  Nossos amigos ipeanos da França terão imenso prazer em ouvi-los.  

Atenciosamente,  

A Diretoria  

 

IPA AGRADECE O BOM DESEMPENHO DE POLICIAIS DO RIO DE JANEIRO NO ATENDIMENTO AO SEU ASSOCIADO DR. DANIEL PONTE, MÉDICO LEGISTA

        O presidente da IPA de São Paulo e administrador provisório da IPA Brasileira, Jarim Lopes Roseira, encaminhou ofícios ao Exmo. Sr. Delegado-Chefe da Policia Civil do Rio de Janeiro e ao Exmo. Sr. Comandante Geral da Polícia Militar daquele Estado, enaltecendo o profissionalismo e excelente desempenho funcional, por parte dos policiais civis ALEXANDRE ESTELITA (Comissário) e JULIANO MARCELO GOMES DE SOUZA (Inspetor), da 10ª DP e dos Soldados PMs ZACARIAS e SÁ, do 2º BPM, que se desdobraram no atendimento da ocorrência de roubo com utilização de arma de fogo, praticado contra o Médico Legista Dr. DANIEL PONTE, sócio da entidade pela Seção Regional de São Paulo, fato ocorrido na data de ontem 31/5.

         Por volta das 10 hs. da manhã daquele dia, o Dr. Daniel transitava por uma das movimentadas ruas centrais do bairro de Botafogo, quando foi abordado por um marginal que, mostrando-lhe o revólver, exigiu seu valioso relógio de pulso, presente de seus pais quando de sua formatura.

          Estando armado, Dr. Daniel pensou em reagir, mas logo percebeu que outro meliante, também armado, dava cobertura ao comparça e aplicou-lhe um conhecido “mata leão”, minando-lhe as forças. Populares disseram que, logo a seguir,  um terceiro elemento parou um ônibus e fugiu; os outros dois se misturaram entre os carros e transeuntes e também desapareceram.

          Em instantes vieram em socorro ao médico os PMs Zacarias e Sá, que por mais que se esforçassem nada puderam fazer, além de arrolar testemunhas e apresentar a ocorrência na delegacia. Os policiais civis também se esmeraram no atendimento, registrando o fato com detalhes, fazendo com que o trauma sofrido pelo Legista fosse amenizado.

         Lamentando o ocorrido, o Dr. Daniel, que é carioca, disse: “vão-se os anéis e  ficam os dedos”. Cenas da violência que, infelizmente, permeia todo o país.

                                                                                     A Diretoria

Foi sepultado hoje, 23/05/2016, o corpo do Subtenente Clóvis de Oliveira, o idealizador da PEC-300

É realmente uma grande perda. A lacuna que ele deixa é enorme, difícil de ser preenchida  

Clóvis foi grande, em todos os momentos. Lutou como poucos, com muita inteligência, astúcia e coragem.   

Qualquer que fosse o local de um evento de interesse dos policiais, lá estava ele. Altaneiro, destemido. Nem a saúde debilitada o detinha.

Certa vez, há uns cinco ou seis anos atrás, na Câmara Federal, depois de várias horas de debates e discussões sobre a PEC 300, plenário lotado, Clóvis, já em convalescença, se mostrava cansado, abatido. Sem querer desistir dos debates que conduzia, ele olhou para mim e disse: "Prof. Jarim assuma a liderança dos trabalhos." Fiz um grande esforço para me desincumbir da missão e sentei-me na cadeira principal. Ele permaneceu por perto, repousou um pouco e logo voltou a debater. Era incansável.  

Nem a doença o fazia fugir da luta. Sou testemunha de que, muitas vezes ele, sentindo-se mal, permanecia no ambiente do evento. Era um devotado à causa dos policiais (civis e militares) sendo reconhecido por todos.  

Enfim, deixou-nos o   "IDEALIZADOR DA PEC-300" . Fica o exemplo de um idealista determinado, corajoso, bem humorado e amigo de todos. Seu sepultamento se deu no Cemitério da Cantareira, no Horto Florestal, em São Paulo – SP.

Descanse em paz, grande líder e guerreiro Subtenente Clóvis!

 Envio aos familiares, em meu nome e no da IPA (International Police Association), nossas sinceras condolências.  

Jarim Lopes Roseira, Presidente



 
Com este título, o Professor Carlos Alberto Marchi de Queiroz trouxe a lume uma obra de grande valor, contendo uma visão histórica da instituição policial civil, desde a sua criação até os dias atuais, com reflexos na Polícia Judiciária Brasileira. Veja mais >>
Obra de autoria do Dr. José Guilherme Raymundo, Delegado de Polícia aposentado, sócio da IPA, ex-Inspetor da Guarda Civil do Estado de São Paulo, ex-Inspetor Chefe de Agrupamento da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo e ex-Comandante da Guarda Civil de Guarulhos.

No livro o autor presta uma justa homenagem às Guardas Civis Municipais do Brasil, corporações que a cada dia conquistam a admiração e o respeito do povo brasileiro.
 
Web Master

Admin